Somos SUPREMOS como Gilmar Mendes ?

Esperar pela crise para nós brasileiros que fazemos e planejamos sempre aos 44 minutos do segundo tempo com o adversário batendo uma falta é comum.

Quando uma empresa de transportes chamada Schneider observou o mundo a sua volta quase acabou, no livro chamado “Seduzido pelo Sucesso” muito bem sintetizado pela frase de Martin Sorrell “Este livro é dolorosamente sincero”. Eu particularmente adoro toda a sinceridade já que nós brasileiros vivemos em uma crise social neste aspecto, onde a “canela de vidro” e o “politicamente correto” destrói todo o crescimento individual do ser. Somos constantemente levados para um mundo chamado “Alice no país das Maravilhas” ou “O Pequeno Príncipe”.

Segundo o livro, a Schneider foi fundada em 1935 e tinha boa participação no mercado de transportes americano, com a chegada de Internet e vários serviços de cotação on-line abrindo o mercado para muitas ofertas e descontos de várias transportadoras em todo o país, concomitantemente o enfraquecimento da economia fez que a empresa obrigatoriamente revisse seus processos internos uma vez que levava de 30 a 45 dias para passar um orçamento ao cliente em um extremo comodismo e tendo o mercado em suas mãos. Tendo como a premissa “Sempre foi Assim! ”.

“É muito difícil para as pessoas aceitarem mudanças. Elas acreditam que agindo assim estariam admitindo que não são tão boas quanto gostariam de ser e isso é algo difícil para os seres humanos aceitarem” do livro – Seduzido pelo Sucesso

Podemos fazer uma correlação com o UBER x Taxi enquanto os taxistas estavam com a reserva de mercado escolhiam (quanto, como e quando) atendiam seus clientes, pois estavam em uma zona de conforto. Entrando um novo modelo como UBER no mercado precisariam modernizar-se já que tinha uma lacuna no mercado que não estavam atendendo ou  prestando com qualidade.

Diariamente pergunto o errado é o UBER ? não, o errado é o modelo de TAXI que joga o argumento simples que o UBER não paga taxas como eles. Simples, peçam para que os taxistas não tenham as taxas que o Estado cobra e sigam o modelo do UBER.

O mesmo processo estamos diante da CLT e Previdência, continuamos com um modelo antigo pelo fato da incompetência, incompreensão e comodismo. Todo o mundo nas áreas trabalhistas e previdenciárias funcionam com regras diferentes do nosso modelo, mas nós brasileiros somos “SUPREMOS” como diria Gilmar Mendes e devemos por obrigação ter um modelo próprio de interpretação!

About the Author

Alexandre Machado
Natural de uma pequena cidade Catarinense, residente em Araraquara-SP. Empresário, empreendedor desde os 17 anos, consultor de empresas que desejam alterar processos e implantar soluções de alta performance em diversos segmentos da economia. Com formação em estatística e tecnologia da informação com experiência de 25 anos, conhecedor de todos os estados brasileiros de suas grandes capitais até o interior, com experiencia em missões empresariais no exterior realizando transferência de tecnologia e conhecimento, sou especialista em saúde pública e privada. Fui professor de matemática financeira formando profissionais nas áreas de contabilidade, administração e processamento de dados. Ativo no 3o. Setor em Instituições Filantrópicas e um olhar diferente para fazer política em nosso país. Fundador e vice-presidente voluntário do ITEC (Instituto de Tecnologia de Araraquara) responsável pela criação e fomentar mão de obra na área através de eventos chamado Biz Games, palestras nas Universidades e aproximação entre as empresas e instituições de educação pública e privada Fui diretor de divulgação, Presidente e Vice Presidente voluntário da Sociedade Beneficente Escola do Mestre Jesus mantenedora do Centro de Convivência Social Maria Velho Temponi que atende 80 crianças no bairro Jardim das Hortênsias em Araraquara. Fui conselheiro do COMCRIAR – Conselho da Criança e Adolescente de Araraquara (CMDCA) defendendo políticas públicas e um mapeamento das crianças e adolescente da cidade. Atualmente desenvolvemos o canal de youtube BRFoco, site BRFoco e Grupo do Facebook BRFoco com objetivo de esclarecer, informar, trazer reflexão e educação para a sociedade livre. Filiado ao partido 30 NOVO, voltado para ideias em que o cidadão é o único gerador de riquezas e que precisamos de um Estado menor focado em educação básica, Saúde e segurança. "Se todo o homem tem a liberdade de fazer o que desejar,desde que não infrinja a igual liberdade de qualquer outro homem, então ele é livre para abandonar ligações com o estado - para recusar sua proteção e para se negar a custear seu suporte." Spencer

Be the first to comment on "Somos SUPREMOS como Gilmar Mendes ?"

Deixe uma resposta